Glitter biodegradável é opção para curtir o Carnaval sem agredir o meio ambiente

Os tradicionais, feitos de microplástico, levam anos para se desintegrar na natureza e prejudicam também a vida marinha

Não dá para negar: o glitter é o rei dos bloquinhos de Carnaval. A cada ano que passa, as maquiagens brilhantes fazem mais a cabeça dos foliões. O que nem todo mundo sabe é que o glitter tradicional – ou a purpurina – nada mais é do que um tipo de microplástico.

“O principal problema desse tipo de componente está relacionado ao meio ambiente e sua decomposição, pois os microplásticos levam anos para se desintegrar na natureza – e isso causa contaminação do solo e entope bueiros”, explica Márcio Accordi, que é biológo especialista em cosmetologia e diretor da Biozenthi Laboratórios Cosméticos. Os microplásticos também são conhecidos por se acumularem nos mares e prejudicar a vida marinha. Foi justamente pensando nesse impacto das partículas plásticas que, aos poucos, têm surgido no mercado marcas que fabricam glitter biodegradável.

Uma delas é a Pura Bioglitter, da arquiteta carioca Frances Sansão, que vende seus potinhos cheios de pó colorido online. “Em 2016, meu irmão, que é biólogo, me alertou sobre os perigos dos microplásticos. Então eu, que amo Carnaval, parei para pensar pela primeira vez que as purpurinas que eu tanto amava deveriam ser nocivas também”, conta. Depois de muitos testes – tudo é feito de forma artesanal – ela chegou a um resultado que a satisfez. A marca foi lançada para o Carnaval de 2017, quando recebeu recorde de pedidos.

 

Sobre a loja

A Pura Color Beauty é uma marca de produtos de beleza sustentáveis, caracterizados pela cor e brilho.

Social
Pague com
  • Pix
  • PagSeguro V2
  • PagSeguro V2
Selos

Pura Color Beauty - CNPJ: 31.445.826/0001-98 © Todos os direitos reservados. 2023


Para continuar, informe seu e-mail